Blog Oxigênio / Artigo

O Mentoring nas organizações

04/02/2021

“O verdadeiro líder é aquele que é capaz de desenvolver as pessoas, a um nível tal, que estas o possam ultrapassar em conhecimentos e capacidades“. 

 

Mentoring. O que é?


Mentoring é a aprendizagem fortalecida por um relacionamento entre um mentor e um mentoreado, através de uma troca de informação e conhecimentos. É um relacionamento construído nos fundamentos da confiança, da verdade e da compreensão. O processo de aprendizagem através de um Mentor é conhecido como Mentoring.

Podemos ver claramente exemplos de mentores e mentoreados em filmes e desenhos, como por exemplo: Pinóquio tendo o Grilo como seu mentor, Luke Skywalker juntamente com os mentores Mestre Yoda e Obi Wan Kenobi e Robin mentoreado por Batman. Também temos grandes exemplos na história real como: Martin Luther King e seu mentor Gandhi, Alexandre, o Grande e seu mentor Aristóteles e o maior exemplo de mentoria: os discípulos e Jesus, o Cristo.

Muitas pessoas confundem Mentoring e Coaching, alguns até pensam que ele tem o mesmo propósito e finalidade. A diferença entre Coach e Mentor é que o primeiro é mais focado em resultado e o segundo, na pessoa.

 

Origem do termo Mentor


A palavra Mentor foi extraída do poema épico Odisseia, obra da autoria do poeta grego Homero. A história conta que Odisseu (conhecido na tradução latina por Ulisses) pretende ir para a batalha, na Guerra de Tróia. Contudo, enquanto se preparava, Odisseu, apercebe-se que Telêmaco, seu herdeiro, não estava preparado para atuar como Rei durante a sua ausência. Odisseu recorre então a Mentor, um sábio amigo e da confiança da família, que concorda em tutorar Telêmaco enquanto Odisseu estiver ausente. Assim como Mentor preparou Telêmaco para a função de Rei, o Mentor é um conselheiro de confiança, um guia, um formador e motivador que interage diretamente com o (protegido ou discípulo), ajudando-o a desenvolver capacidades, a adquirir conhecimentos e a aumentar a sua competência. Um Mentor transmite o seu saber para preparar alguém para servir de forma mais rápida e completa num enquadramento cultural de valores e tradições. Um Mentor deve estar disposto a caminhar ao lado daquela pessoa e ajudá-la enquanto ela estiver disposta a aprender e crescer.

 

Mentor: Pessoa que orienta, aconselha e aponta direções.


Essa função é geralmente exercida por um colega mais velho, bem sucedido em sua posição, eventualmente líder, em sua profissão e que é meio pai, meio amigo, meio professor.

 As principais finalidades do Mentoring são Partilhar, Aprender, Qualificar, Estar envolvido e Preparar o futuro.

Não é qualquer um que poder ser mentor, as principais características de um bom mentor são:

-Bom conhecimento e experiência em diversas ou determinadas áreas da vida;
-Entusiasmo e dedicação aos objetivos do Mentoreado;
-Capacidade de Liderança e respeitabilidade;
-Comunica e sabe ouvir com facilidade;
-Desenvolve um relacionamento de confiança, sinceridade, honestidade e de respeito mútuo;
-Permite que o Mentoreado desenvolva a sua própria visão, autonomia e tomada de decisão;
-Ter ideias abrangentes e flexíveis sobre desenvolvimento individual e organizacional;
-Incentiva a responsabilidade mútua e de parceria no processo de mentoring.

O verdadeiro Mentor tem várias qualidades, mas os principais fatores que compõem um Mentor são três: o Desenvolvimento Pessoal, o profissional e a Carreira.
No Desenvolvimento Pessoal estamos falando de um "Mentor" tipo pai, tutor, professor, amigo mais velho, conselheiro espiritual. No Profissional o mentor precisa ter ética, profissionalismo, atualizado com campo de atividade que exerce, inovador, pioneiro na área.
Os profissionais procuram um mentor em diversas situações e para solucionar diversas necessidades. Entre as principais causas destacamos: ambiente competitivo, problemas de relacionamentos entre colegas, busca de novas ideias, problemas com superiores e desejo de mudar de carreira ou emprego.
Na carreira o mentor se encontra num nível estável, muitas vezes se encontra dentro das organizações, como por exemplos: o próprio chefe hierárquico, o gerente de recursos humanos, o diretor da empresa, etc.

A prática correta de mentoring pode auxiliar o crescimento e desenvolvimento da empresa, pois juntará a experiência do Mentor com a força de vontade e desejo de aprender do Discípulo. É sempre importante ter mentores internos e externos da empresa, ou até mais que dois. O mentor interno para lhe indicar caminhos que são próprios da empresa e que facilitarão a sua evolução. O mentor externo para auxiliá-lo quanto à elaboração de seu plano de carreira e às decisões que afetam o seu plano, bem como, na decisão de uma eventual troca de empresa.
O mentor tem o papel de apoiar o mentoreado a esclarecer seus próprios valores, pontos fortes e áreas de desenvolvimento; Orientar quanto a tomada de decisões importantes e quanto ao rumo na vida; Orientar o mentoreado a assumir um papel mais pró-ativo na sua vida e na sociedade ao seu redor; Apoiar na busca de ambições; Ajudar o mentoreado a desenvolver competências e habilidades de liderança; Identificar oportunidades de promoção de desenvolvimento; Incentivar a busca de feedbacks e dar feedbacks ao mentoreado; Incentivar o mentoreado a traçar um plano de carreira dentro e fora do local de trabalho.

É importante lembrar que o mentor não decide, o mentor orienta; O mentor não traz respostas, o mentor incentiva a reflexão e que o mentor deve respeitar a confidencialidade da relação.

As reuniões de mentoria devem acontecer entre mentor e mentoreado, e em locais agradáveis. Nada de marcar no Local de Trabalho, pois não é adequado e nem natural.

Existem vários benefícios, tanto para o mentor como para o mentoreado.
Benefícios para o mentoreado: autoconhecimento, recebe ajuda pessoal, “desabafo”, conhecer um outro ponto de vista, firmar valores, receber feedbacks, clareza na experiência, entre outros.
Benefícios para o mentor: influenciar e impactar positivamente a vida de alguém, oportunidade de compartilhar experiências, desenvolver habilidades de comunicação, rever e firmar seus próprios valores, conhecer outro ponto de vista, entre outros.

"Todos os certificados, de reconhecimento, que recebemos na vida, vão desaparecer! Os monumentos que construímos vão cair! Os troféus vão corroer-se! Mas, o que fazemos pelos outros causará um impacto duradouro no nosso mundo! O sucesso verdadeiro acontece, quando uma geração apoia a geração seguinte ensinando-lhe, valores e métodos para o desenvolvimento do próximo grupo de líderes“. (John C. Maxwell - Desenvolvendo o Líder Dentro de Você).

 

Fonte: https://administradores.com.br/artigos/o-mentoring-nas-organizacoes

O seu navegador está desatualizado!

Atualize o seu navegador para ter uma melhor experiência e visualização deste site. Atualize o seu navegador agora

×